Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Misteriosa Melodia

Exilada num claustro de oração,
Imploro ao meu deus o descanso.
Ao mesmo tempo em que ouço a canção,
Em poesias e versos me lanço.

Sou um ser rude, mas pensante,
Extasiado de amor, a sonhar.
Hausto d'um aroma puro e embriagante,
Como um doce hálito a bafejar.

Num santuário de paz e harmonia,
Não sei de mim, esqueço teu nome
Sou esta misteriosa melodia,
Que vem, me transfigura e some.
Magmah
Enviado por Magmah em 02/12/2007
Reeditado em 02/12/2007
Código do texto: T761698

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Magmah
Montenegro - Rio Grande do Sul - Brasil
232 textos (5053 leituras)
6 e-livros (411 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/12/17 21:13)
Magmah