Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A veste rasgou

Meus dias estão tenebrosos
Uma claridade vindo à tona
Não sei se fico feliz ou triste
Mas o que sinto é uma angustia
Quem em meu peito persiste

Uma dor de ter que aceitar
O que muito tempo tentei relutar
O que já sentia porem ainda obscuro
E que hoje claro ficou
Não havendo mais como negar

Feliz porque assim me torno livre
Sem medo de poder agir
E noutro mar poder seguir
Sem o peso de uma dor deixada
E muitas lagrimam a serem derramadas.

Triste por saber que o tempo
Somente confirmou meu pressentimento
De que o Amor nunca existiu
Apenas uma vida em comum
Alguns momentos felizes
Trocas de caricias
Nada mais que companheirismo
Apenas um grande ativismo
.
Ataíde Lemos
Enviado por Ataíde Lemos em 01/03/2006
Código do texto: T117188
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Ataíde Lemos
Ouro Fino - Minas Gerais - Brasil, 52 anos
5354 textos (1256154 leituras)
5 e-livros (11995 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/12/17 21:15)
Ataíde Lemos

Site do Escritor