Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CORAÇÃO DE LUTO

CORAÇAO DE LUTO

Extremamente doloroso
O fato de se perder
Um amor que se achava
Ser “O AMOR”

Inaceitável estar
Com a alma em frangalhos
Por alguém que acreditávamos
Ser o “NOSSO ALGUÉM”

Apostar sua vida
Em alguém que sequer
Tem a noção do que é
Um sentimento de mulher

Talvez um pouco de
Ingenuidade, esperar
Amor de quem não
Tem sequer consideração
Pra nos oferecer

E ver todos os planos
E sonhos jogados
Ao chão de um momento
Para o outro

Por coisas tão pueris
E passageiras, tão levianas
E tão insignificantes

Como se essas coisas
Tivessem realmente importância
E tivessem um significado
Maior que o amor
Que temos a oferecer

Sentimento trocado por
Instintos
Amor trocado por
Nada, que é o que
Pessoas vulgares
Podem oferecer

Sonhos trocados
Por uma oferta de prazer
Vazia e passageira
Que para o homem
- o homem de verdade –
Não acrescenta nada

Uma vida de
Companheirismo e cumplicidade
Oferecida por uma alma
Apaixonada
Trocada por um momento
De prazer “virtual”

Verdade, trocada por mentira
Mentira que fere
Mentira que machuca
Mentira que tira
O caráter de um homem
Que magoa a pessoa
Que  o ama

Um grande poeta
Disse um dia: "porque será
Que é mais forte
Quem sabe mentir?"

Talvez seja porque
Quem mente jamais
Se importa com os
Sentimentos dos outros
Exatamente por não ter
Sentimentos

Talvez seja porque
Aprende mais rápido
A se proteger
Dos sentimentos
Verdadeiros, dos
Quais foge com toda
A força de sua alma

Como se assim
Pudesse evitar
Um mal maior
- que ele pensa ser –

Nos perguntamos
Se somos tolos
O suficiente para
Acreditar nas palavras
Que massageiam nosso ego
A ponto de nos entregarmos

E nos entregarmos
A essas mentiras
Ditas somente
Para agradar
E que na maioria das
Vezes, quando se esgotam
Podem nos ferir

E até que consigamos
Enxergar a verdade
- a dura realidade –
Nosso coração
Já estará de luto

E aí então
Teremos que fechá-lo
Evitando assim
Que outro venha
E destrua sua estrutura
Novamente

E brinque com o que
Resta de sentimento
E de esperança
De, quem sabe um dia,
Encontrar alguém
Que lhe corresponda

E termos que
Reconstruir a vida
Juntar os pedaços
Refazer tudo
Respirar fundo
Olhar pra frente
Mirar bem o caminho
E seguir adiante

Essa é a lei:
CORAÇAO DE LUTO
Deixe o tempo passar
Pra dor amenizar
E aos poucos
Alcançar a cura
Da sua tristeza

Siga adiante
essa sua vida
pois somente
o verdadeiro sentimento
é eterno
somente o verdadeiro
amor sobrevive
ao tempo que a tudo
destrói

Zair Batalha
20/02/07







ZAIR BATALHA FERNANDES
Enviado por ZAIR BATALHA FERNANDES em 20/02/2007
Código do texto: T387730

Comentários

Sobre a autora
ZAIR BATALHA FERNANDES
Ceilândia - Distrito Federal - Brasil, 56 anos
43 textos (2875 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/09/20 17:08)
ZAIR BATALHA FERNANDES