Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Lágrimas e Dor, Vinho e Amor.

As tristezas de uma paixão
Da alma artista, dogmas à lágrimas
Do homem que chora por uma razão
Amar, querer, Marias e Fátimas.

Por saber ser doente, ser dor
Ser lágrima, ser só, ser sempre
E se é, sê com força e amor
Sê o terror que afronta a serpente.

Se exalta no sofrimento íntimo assim
Conversa consigo mesmo - dói mais.
Sabe que é sempre o mesmo fim
Sabe que o vinho acaba e não satisfaz.

Sobra nada a não ser para as vespas
Chora mágoa, saber que é só e será
Talvez Marias e Fátimas, nas sextas
Talvez segunda o vinho faltará.
Júnior Leal
Enviado por Júnior Leal em 11/09/2005
Reeditado em 11/09/2005
Código do texto: T49628


Comentários

Sobre o autor
Júnior Leal
Lagoa Santa - Minas Gerais - Brasil, 35 anos
958 textos (33167 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/07/20 22:45)
Júnior Leal