Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto



Eu, Árvore!


Árvore de raízes rasas, 
frondosa árvore que em sua copa
protege o amor.
Meus galhos esguios tentam 
arranhar o céu.

Seiva que escorre por tanta dor.
Árvore que desabrocha em flores,
na luz do sol, no escuro da noite,
abriga pássaros de todas as cores.

Imóvel árvore que tanto acena,
evitando podas constantes,
de uma vida que não vale a pena.

Árvore medrosa,
tenho tudo e tenho nada,
nessa minha subida ou descida
sou árvore da minha vida!





TRANSPARêNCIA
Enviado por TRANSPARêNCIA em 08/09/2007
Reeditado em 12/11/2009
Código do texto: T643367

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Suavidade). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
TRANSPARêNCIA
Campinas - São Paulo - Brasil
734 textos (39519 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/17 23:28)
TRANSPARêNCIA