Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SER RESILIENTE, SER FLOR!

Porque a minha
tristeza tem nome,
tira-me do prumo,
fico sem rumo,
____ me consome!

É tão pessoal!

Coisas da vida real,
____ do dia a dia,
parece-me que na poesia,
tudo volta ao normal!

É coisa minha!

Nada a ver com mídias sociais,
____ algo normal a toda gente;
sabe quando assim de repente,
acolhe-nos tantos temporais?

É coisa que tem cura!

Porque na vida,
apesar das dores,
____ das tristezas
e das amarguras:

[''tudo muda, tudo passa,
neste mundo de ilusão,
vai para o céu a fumaça,
fica na terra o carvão!'']

É bálsamo para o coração!

Superar as vicissitudes,
regar o mundo com amor,
(re)começar com boas atitudes,
ser resiliente... ser Flor*!
Fernanda Xerez (Flor do Deserto)
Enviado por Fernanda Xerez (Flor do Deserto) em 09/09/2019
Código do texto: T6741206
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Fernanda Xerez (Flor do Deserto)
Fortaleza - Ceará - Brasil
10475 textos (284923 leituras)
36 áudios (1516 audições)
23 e-livros (1520 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/09/19 18:18)
Fernanda Xerez (Flor do Deserto)