Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Grito, Vida e Morte


Rudes palavras penetraram
Em meus ouvidos
Perfurando os tímpanos
Sem trazer resolução.

O grito é uma explosão
Uma nota que se torna baixa,
É derivado da dor e da raiva
É sem teor e não tem alma.

É um bafo que parece perigo
Sem poder de intimidar,
É um som distorcido
Recheado de maldade.

É um caso mal sucedido,
Um ninho de curto pavio
Chocando faíscas
Para um dia estourar.

É uma arma que só mata
A quem abre a matraca
E banha-se de lágrimas
Depois do perdão.
Ulisses Maia
Enviado por Ulisses Maia em 13/10/2007
Código do texto: T693080

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Transferencia Bancaria para uma conta a indicar por mim.). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ulisses Maia
Luanda - Luanda - Angola, 54 anos
903 textos (71565 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/17 22:45)
Ulisses Maia