Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ego

De quem é este  rosto triste
Que o espelho teima
em dizer que é meu?
Lágrimas em sulcos sinuosos
atiravam-se para tocar o solo
Que a cada toque
estremeceu

Traga de volta e minha face!
Gritei à imagem no espelho
Já não havia um tom que agradasse
Não existia prazer
em revê-lo

Eis que o desespero supera a razão
Minha imagem presa aos cacos
Meu sangue cobrindo o chão
E meu coração despedaçado
Ouvindo-te dizer
que não mereço
perdão
William Gali
Enviado por William Gali em 03/01/2006
Código do texto: T93735


Comentários

Sobre o autor
William Gali
Sorocaba - São Paulo - Brasil, 38 anos
38 textos (3783 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/04/21 17:15)
William Gali