Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O maltrapilho

Já era tarde da noite,
em meu quarto tive uma visão.
Um anjo muito iluminado,
sua luz tocou meu coração.
Sorrindo ele foi me dizendo,
Jesus quer com você falar.
Prepare a sua morada,
hoje ainda Ele vem te procurar.

Fiquei orgulhoso e honrado,
ao que o anjo veio anunciar.
com lindas flores perfumadas,
minha casa mandei enfeitar.
Mas, quando tudo estava preparado,
a casa, a família e eu.
Um homem todo sujo e maltrapilho,
minha porta bateu.

Com a voz rouca e serena,
dizia, cansado eu estou.
Preciso de repouso esta noite,
descansado, bem cedo eu me vou.
Sentindo muito ofendido,
fui obrigado a responder.
Retome o seu caminho seu moço,
que eu tenho mais o que fazer.

Aquela noite logo foi passando,
um novo dia amanheceu.
Fiquei muito triste aborrecido,
Jesus não apareceu.
Julgando seu comportamento,
tal maneira não deveria agir.
Nenhuma de suas promessas,
jamais Ele deixou de cumprir.

Já se passaram muitos anos,
com mais experiência eu estou.
Somente agora é que eu entendo,
o que naquela noite se passou.
Hoje tenho mais sabedoria,
por isso a minh'alma deduz.
Que aquele homem sujo e maltrapilho,
que bateu a minha porta era Jesus.
Sartorato
Enviado por Sartorato em 02/06/2009
Reeditado em 11/01/2015
Código do texto: T1627828
Classificação de conteúdo: seguro


Áudio
O maltrapilho - Sartorato
O maltrapilho - Sartorato
O maltrapilho - Sartorato

Comentários

Sobre o autor
Sartorato
Campinas - São Paulo - Brasil, 65 anos
234 textos (17876 leituras)
128 áudios (5629 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/09/20 11:59)
Sartorato