Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MEU AMADO

Já ao entardecer, em suntuosa noite.
No amplo festejo para ti
Estava eu entre inúmeros amigos
Estando á te almejar todos ali.

De ti pouco sabia
Apenas o que me proferiam
Contudo por ti já ansiava
E todos ali o queriam

Bela filarmônica o som da festa
Louvores, júbilo e regozijar.
A sala do banquete já preparada
Todos esperam ouvir teu vozear

Tu surgiste como um impetuoso vento
Ao chão todos prostaram-se
E entre diversos atento,
Tu me notaste.

Tua mão Estendeu, me encontrou.
Esbraseou-me, e minha alma abalou.

Tocou meu ser
Despojei-me e por completo me rendi
Rendida ao Teu Espírito
Em teus braços me submergi

Aquela ocasião mudou meu ser
Desde aquele terno dia
Tornou-se minha razão, meu querer

Amor, Amor

Amor é o que sinto
Tão belo e inexplicável
Algo puro, verdadeiro.
Coração acalentado e Afável

Oh que dia Venturoso
Não sou mais a mesma
Oh que dia ditoso

Por Deus, fui Separada
Por mim tiveste compaixão
Sinto-me livre e amada
De corpo, alma e coração
Hoje sou tua noiva adornada

Minha alma é sedenta por ti
Como o céu necessita das estrelas
OH meu amado hoje estou aqui
Para tua bênção receber
Dá-me água que jorra do teu trono
Água viva dá-me de beber...

Aos teus braços Conduza-me
Refrigera meu ser
Meu amado, Ès o meu maior prazer.
Meu Noivo, Minha luz
Meu tudo, Meu viver,
Como Te amo
Meu JESUS




                "Eu sou do meu Amado, e o meu Amado é meu..."
                               Cantares de Salomão 6:3
Audenice
Enviado por Audenice em 28/09/2007
Reeditado em 28/09/2007
Código do texto: T672315
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Audenice
Diadema - São Paulo - Brasil, 36 anos
49 textos (5572 leituras)
2 e-livros (68 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/17 10:24)
Audenice