Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sem Erudição!

.     Sem Erudição!                    (113)
Não sou, muito erúdito,
Mas em Deus; eu acredito
E sei, que sou pecador!
Esperando, na Graça do Senhor,
Porque na terra, eu habito!
Louvando, meu redentor.
   
Louvado pois, seja o Senhor,
A natureza, canta louvores!
As aves, cantam trinados,
Junto a lagos e rios, espelhados!
Recebendo, as bênçãos do Criador,
E por Seus anjos, somos guardados!
   
Os homens, por anjos separados,
Por ordem de Deus, preparados!
A salvação, vem gratuita.
Porque é dom de Deus; acredita!
Por Jesus, os pecados lavados,
Alcançamos sim, essa paz bendita!
   
Essa paz, então será infinita,
Para aquele, em quem Deus habita!
Vestindo, as roupas alvas,
Usadas, por almas salvas!
Decide-te pois, e não exita,
Para gozares, com, redimidas almas!
   J. Rodrigues   22/04/07
Galeano
Enviado por Galeano em 12/11/2007
Código do texto: T734561
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Galeano
Portugal, 81 anos
524 textos (104096 leituras)
14 áudios (2001 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 13:02)
Galeano