Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DRUÍDA

EU ACHO QUE É UM DRUÍDA...
QUE BAGUNÇA A MINHA VIDA
QUE ESTA ME DANDO PESADELO.
ELE BORROU TODO O MEU BARALHO
AINDA TEMPEROU TUDO COM ALHO
CASCOU CEBOLA NO MEU GELO.

MESMO SENDO INVISIVÉL
ELE DESLIGOU O FUSIVÉL
ERA O FUSIVÉL DO MEU CHUVEIRO,
QUASE QUE MORRO CONGELADO
E AINDA ESSE DESGRAÇADO
SOLTOU OS PORCOS DO CHIQUEIRO.

FOI LA EM CIMA DO MORRO
ELE QUASE MATOU MEU CACHORRO
ENROLOU O COITADO COM CIPÓ.
BAGUNÇOU TODA MINHA SACOLA
E NAS MINHAS MEIAS DE BOLA
DEU MAIS DE CINQUENTA NÓ.

ABRIU A MINHA GELADEIRA
E FEZ A MAIOR SUJEIRA
COM UMA PANELA DE FEIJÃO.
DA ROSCA TIROU TODO O MIOLO
RECHEOU TODA COM TIJOLO
MISTURADO COM CARVÃO.

JA ESTOU E PERDENDO O RUMO
POIS SO ESTOU LEVANDO FUMO
E NÃO ADIANTA SAIR NO GRITO,
JÁ JOGOU URINA NA MORINGA
PÔS MINHOCA NA MINHA PINGA
CORTOU A BARBA DO CABRITO.

ENCHEU DE PIMENTA MEU PICOLÉ
TACOU SAL NO MEU CAFÉ
ME FEZ MAIS UMA DE DAR DÓ,
ESSA  ME ENCHEU DE MÁGOA
O PESTE COLOCOU NA ÁGUA
AS MINHAS FITAS DE FORRÓ.

A SOLUÇÃO E EU CAIR FORA
E DESSE SÍTIO IR EMBORA
JÁ QUE MEU ÓDIO E ETERNO,
NÃO POSSO MOE-LO NA MARRETA
ELE QUE VÁ SACANEAR O CAPETA
LA NOS QUINTOS DO INFERNO.
GIL DE OLIVE
Enviado por GIL DE OLIVE em 10/03/2007
Código do texto: T407854
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
GIL DE OLIVE
Campos do Jordão - São Paulo - Brasil
2755 textos (249163 leituras)
31 e-livros (2339 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/09/20 04:55)
GIL DE OLIVE