Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CANTAR DO SABIÁ

Quando estava comendo um chocolate
e tomando um gostoso guaraná,
avistei lá num pé de abacate
lindo pássaro,um bonito sabiá.

Mas apareceu o cachorro,e late
e foi tirando ela de lá,
voou para um canteiro de mate
junto ao pé de jacarandá.

E uma beleza de muito quilate
que vive aqui na serra do juquiá,
igual a essa,so mesmo do mascate,
que eu conhecí no Paraná.

Belo cantar,e com arremate
como a música do boi bumbá,
ela de beleza tem muito vat
e como o voar de um carcará.

 Uma música que não tem empate
que somente alegria me dá,
belo som,que não precisa de remate
chego a esquecer, o prato de vatapá.

Com sua linda voz,não tem combate
encanta ate o gato angorá,
esse belo cantor,ninguem bate
mas nem os pássaros do Ceará...
GIL DE OLIVE
Enviado por GIL DE OLIVE em 09/09/2007
Reeditado em 09/09/2007
Código do texto: T645009
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
GIL DE OLIVE
Campos do Jordão - São Paulo - Brasil
2611 textos (231176 leituras)
31 e-livros (2316 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/12/17 03:51)
GIL DE OLIVE