Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A AVEZINHA DO AMOR

Todo o meu corpo se agita
minha pobre alma até grita
com aquela cena de terror....
Senti, um aperto no coração
ao ver ali, caída no chão
a minha avezinha do amor...

Todo dia, ela me visitava
por isso eu tanto a amava
trazia-me a alegria e o calor...
Agora...a tristeza aqui me corta,
ao encontra-la aqui na horta
sem vida, o meu querido beija-flor...

Eu que vivo aqui tão sozinho
tanto cuidei desse passarinho
te dando mel, de todo sabor...
Ele era um dos meus amores
por isso, lhe dava tantas flores
esse e o motivo....da minha dor...

Nunca soube, se era ele ou ela
mas sei, que não o verei mais na janela
como, me dizendo-Bom dia senhor...
No meu jardim, sera sepultado
e será por muito tempo lembrado
essa....minha avezinha do amor....
GIL DE OLIVE
Enviado por GIL DE OLIVE em 20/11/2007
Reeditado em 02/03/2009
Código do texto: T744582
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
GIL DE OLIVE
Campos do Jordão - São Paulo - Brasil
2611 textos (231167 leituras)
31 e-livros (2316 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/12/17 17:10)
GIL DE OLIVE