Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

LIBERDADE

Eu queria ser livre, fazer o que eu quiser,

Acordar bem cedinho só para pisar na grama do jardim ainda molhada pelo sereno.
Falar por trás do ventilador com a voz metálica.
Comer sem parar, sem engordar. Melhor, sem me importar em engordar.
Ligar o chuveiro sem me molhar.
Jogar bola na chuva.
Esperar papai-noel. E dormir esperando.
Achar meu pai um herói e minha mãe uma santa.
Raspar a vasilha do bolo.
Salvar o mundo.
Amar a professora.
Comer o bolinho de chuva da vovó.
Correr o dia inteiro sem ficar cansado.
Soltar pipa.
Dar o primeiro beijo.
Dormir de tarde.

Ai, que bom seria.
Ai, que bom que foi.
Ulisses Granater
Enviado por Ulisses Granater em 15/11/2007
Código do texto: T737806
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ulisses Granater
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 40 anos
103 textos (5022 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/12/17 19:43)
Ulisses Granater