Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

VOLVENDO...



Quando a vida me sorriu
Abundância de sonhos eram mares em calmaria.
Caminhava sentindo as brisas no rosto
Nem ao longe cogitava tempestades.
A passos lentos deixava marcas na areia,
Olhar preso no horizonte das esperas.
Vida passando... Lua crescente... sonhos cresciam...
Estufavam no meu peito
corredores de sonhos quase a explodir.
Tempo passava, quedou-se o encanto;
Vieram adeuses, colidiram os sonhos;
Se fizeram mares hemorrágicos
em coronárias dilatadas;
_ Horizontes em tempestades  deletam sorrisos...



HONRADA COM AS BELAS INTERAÇÕES DOS MESTRES:

JACÓ FILHO

Dos enganos desprendidos 
A vida deu-me suas lentes
Para ver-me lá na frente 
Como um ser evoluído ...

FERNANDO ALBERTO COUTO

Acabaram todos dilemas
muitas lágrimas rolaram
destruiram-se os poemas
e apenas dores restaram.

        #########


 
Melena
Enviado por Melena em 17/09/2019
Reeditado em 19/09/2019
Código do texto: T6747184
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Melena
Pilar - Paraíba - Brasil
288 textos (17577 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/19 11:01)
Melena