Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O trem da vida


QUE LINDO SONHO TIVE COM UM TREM
Ô TREM BOM DE SONHO
ESTRANHO TRILHAR DE OLHOS FECHADOS
COM TODO CÉU ESTRELADO

TREM DA VIDA
QUE ME ESPERA CHEGAR
SEM ME PERGUNTAR SE VOU DEMORAR
NEM DUVIDAR DOS MEUS TRILHOS
QUE AINDA VOU LAPIDAR

DESTINO DE UM TREM
UM GRITO EM BRASA
QUANTAS LEMBRANÇAS
NESTA VILA DE ESPERANÇA
QUEM É ESTA EXUBERANTE MULHER
COM O OLHAR FERTIL
QUE INVADE ESTA VIDA SEM PERGUNTAR

DO PESO SE CUSTARA
MAS NADA VOU GANHAR
MEU TRABALHO
É ENCONOMIZAR O TEMPO QUE A VILA TERÁ
BELO TEMPO FAZIA LÁ, O SOL NÃO CANSAVA
NÃO RECLAMAVA, NÃO ESTIGAVA
O VENTO COM CHEIRO DE FUMAÇA
FAZIA ALGUMAS PESSOAS CHORAR

COM TODO PESAR
PARAVA PARA DESCANSAR
QUE SAUDADES DE PASSEAR
MESMO PERTO DAS PONTES A ME AMEAÇAR

ATÉ QUANDO A VIDA HÁ DE ESPERAR
OS PASSAGEIROS SEMPRE COBRARÃO
TU QUE  ESTA NO TRILHO
NÃO FAZ MAIS QUE A OBRIGAÇÃO
VIAJAR NA SOLIDÃO COMO A CARGA DE UM CAMINHÃO

TE DOU O PERDÃO
POBRES SEM CORAÇÃO
QUE CUSTAS, ME OLHAR COMO IRMÃO
MESMO QUE NA CONTRAMÃO
EU SENDO UM LATÃO
SONHANDO QUE UM TREM POSSA VOAR COMO O AVIÃO
QUANTA ILUSAO MAS COM UM SONHO VIVO NA MÃO
DO MAU DA DESILUSÃO
NÃO SOFREREI NÃO
POUCO IMPORTA NO QUE SE TRANFORMARA
TODO DESPERTAR
POSSO CHEGAR  À LOCOMOTIVA,
PORQUE NÃO SER A TERRA, PARA ELA PASSAR

SERAS SEMPRE O MESMO TREM
A SONHAR
Juliana deCiola
Enviado por Juliana deCiola em 30/09/2007
Reeditado em 01/10/2007
Código do texto: T675330

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Juliana deCiola
Curitiba - Paraná - Brasil, 34 anos
48 textos (3100 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/12/17 12:55)
Juliana deCiola