Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Imagem: Pixabay

SURTO

Acordo no meio da noite
sob as patas de um cavalo branco
relinchando ao pulsar do meu coração.

Oh doce machucar do peito
que infla as asas do corcel fugidio
para ganhar o céu estrelado!

Oh ingenuidade noturna
que alimenta sonhos impossíveis
no olhar estético da infinitude!

Chego à sacada, olho para baixo
e vejo gotas do meu sangue
se esvaindo no chão do jardim

Não sem antes fazerem vermelhas
as pétalas róseas da frágil roseira
que ali está, mas não sai de mim.

Cyro Mascarenhas

 
Cyro Mascarenhas
Enviado por Cyro Mascarenhas em 28/10/2020
Código do texto: T7098629
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Cyro Mascarenhas
Brasília - Distrito Federal - Brasil, 77 anos
1461 textos (158841 leituras)
2 e-livros (936 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/05/21 21:17)
Cyro Mascarenhas