Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FILOSOFIA

Definir Deus... difícil é o Indefinível
Tão abstrato que torna-se concreto
Tão simples que até fica complicado
Onde encontrar o X como Pitágoras?

Não adianta fingir que Ele não existe
A Natureza reflete Sua face
E o homem foi, um dia, Sua imagem
E mesmo assim duvidam se é real...

Por que se acredita em fantasia?
Em rezas, em mandigas e afins?
E o óbvio jaz surpreendente
E o milagre hoje é científico...

A água é um mistério e ninguém sabe
E o ar também, mas quem liga pra isso?
A vida agora está banalizada
A morte é que é o tudo e mais nada...

O amor existe? - Sim - E o quê mais?
A alegria, a raiva e a tristeza
E alguém tocou um deles, alguém os viu?
E mesmo assim não acreditam que eles vivem?

A formação do feto e do sangue
O cérebro que nunca pára - nunca!
Os ossos que se formam quem explicar?
E o coração que faz? - Só bate apenas?

Que células produzem o pensamento?
De que encanamento a consciência?
Ninguém precisa crer, eles existem.
E a fé está capenga - aleijada...

Ainda há aqueles que carregam -
E são exenplos - mesmo sem saberem -
Os que tiveram antes o quebraram -,
Aquele ovo frágil, porém forte sendo verde...

   22/03/07
Gonçalves Reis
Enviado por Gonçalves Reis em 05/09/2007
Código do texto: T640279

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Gonçalves Reis
São Paulo - São Paulo - Brasil
1155 textos (75715 leituras)
1 áudios (107 audições)
1 e-livros (51 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/12/17 05:50)
Gonçalves Reis