Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

VIDA SIMPLES

Em toda a sua expressão,
Eu hoje quero cantar a vida;
Numa linda e suave canção,
Uma canção celebrando a sina,

De quem vive plenamente,
Assim como eu, feliz, contente,
Fazendo a cada dia um novo tempo.
Olho no futuro contemplo.

Eu quero uma vida simples, sem pressa,
Sem bens materiais que não me sirvam;
Nada de supérfluo me interessa,
Apenas coisas que me completam.

Um amor querido, uma oriental, quem dera...
Que na sua calma, sabedoria paciente,
Sabe como é bom o compasso da espera,
Pra desfrutar o que se tem intensamente.

Vida simples, no campo, bem feliz,
Vislumbrando verdes pradarias;
È assim a vida que sempre quis:
Viver em doces calmarias.
Lúcio Astrê
Enviado por Lúcio Astrê em 09/09/2007
Código do texto: T645428

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Lúcio Astrê
Euclides da Cunha - Bahia - Brasil, 60 anos
263 textos (10419 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/12/17 02:27)
Lúcio Astrê