Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Justiça!

Não quero o mal de ninguém,
Mas nem tudo convém decerto
Que um dia a justiça vem!

Mary Jun
abril/18

Obrigada, queridos poetas, pelas belíssimas interações!

Se a lei não é imposta,
O crime tem defensores.
Nunca de trabalhadores,
Mas de bandido que gosta...

Jacó Filho


Agente sabe que el não nega
E vejo a justiça com carinho,
Mas o problema dela ser cega
Me parece que errou o caminho

Trovador das Alterosas
Mary Jun
Enviado por Mary Jun em 07/04/2018
Reeditado em 09/04/2018
Código do texto: T6302566
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.

Comentários

Sobre a autora
Mary Jun
Recife - Pernambuco - Brasil, 55 anos
848 textos (41316 leituras)
1 e-livros (87 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/01/20 09:40)
Mary Jun