Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
POETRIX'S EMBARALHADOS
==================


MEANDROS
Não sei se vou derrapar
Ou até sair da linha
Mas suas curvas vou seguir

--------------------
DESJEJUM
Entre um café e outro
Aguardo um novo dia
Pra criar nova poesia

--------------------
PRINCIPIANTE
Minha noite se alvoroçou
Quando você confessou
Ser a primeira vez

--------------------
TAPUME
Toda lamentação
Deveria encontrar um muro
Pra bater sua cabeça

--------------------
INSÔNIA
Se eu não sonhei
É porque não dormi
Agora sonho acordado

--------------------
BEM-ME-QUER
Desfolhar uma margarida
É como jogar na loteria
A sorte é cega

--------------------
AÇÚCAR
Mesmo nas horas amargas
Não dispenso seus beijos 
Adocicando minha alma

--------------------
EXORTAÇÃO
Nada transmite melhor
Nossos sentimentos
Do que caneta de poeta

--------------------
MAR DESPIDO
Deixe a água bater
Em seu corpo nu
Quero entrar nessa onda

--------------------

=================================
Abraços.
=================================


Interações (meus agradecimentos):


31/01/19 08:17 - Gy Poetry
Embaralhada sou eu
Cantando seus versos nos meus
Querendo todo amor teu 
---------------------------------

31/01/19 15:25 - Luiza De Marillac Michel
Bem me quer
:
Na lagoa azul
Jogo meu vestido
Pegas e te cubras
---------------------------------  

31/01/19 16:48 - Uma Mulher Um Poema
Sentimentos e emoções
Lindamente versejados
Nos rabiscos do Poeta 
---------------------------------
31/01/19 17:23 - Norma Aparecida Silveira Moraes
MARAVILHOSOS POETRIX
SÓ VEM AGORA EMBELEZAR
SUA RECEPTIVA ESCRIVANINHA 
---------------------------------

31/01/19 22:28 - Guída
Me embebedei...
Com seu versejar...
Confesso que, amei.  
---------------------------------

02/02/19 08:05 - Alkas
Embaralhando os versos
há panorama geral
de poesia genial...  
---------------------------------
04/02/19 10:47 - Lilian Vargas
Embaralhadas poesias
cativam a todos
Tu tens jeito e maestria 
---------------------------------
POETA OLAVO
Enviado por POETA OLAVO em 31/01/2019
Reeditado em 05/02/2019
Código do texto: T6563567
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
POETA OLAVO
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 77 anos
1387 textos (40678 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/01/20 08:19)
POETA OLAVO