Pronta pra encarar!
Rosa Pena

Confiança na próxima festa enquanto tiro os saltos com os pés doloridos e vem o cansaço que me faz dormir com os olhos borrados. Confiança nas rasteiras que me levaram a levantar, na importância que dei as insignificâncias para perceber as que significam, nas grandes asneiras (que me induziram a jurar não repeti-las e canso de dar replay), nas olheiras, nas desilusões sem adeus as ilusões, na falta de paciência, de vontade, de altivez. Confiança que o verão do ano par virá, com manhãs de sol e de tormentas, com resfriado, dengue, amor em silêncio, nos amanhãs inumeráveis que ainda vou ter, no mentex no escurinho do cinema, no sorvete de graviola, no metrô lotado, na comida congelada. Confiança nos refluxos da Coca-Cola e um sorriso... O seu. Fé no que virá do jeito que for.
Rosa Pena
Enviado por Rosa Pena em 13/01/2005
Reeditado em 01/06/2015
Código do texto: T1493
Classificação de conteúdo: seguro
Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.