Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Para ti


A quanto não me vês?
A quanto não me tens?
No balanço dos ventos
Na sombra das árvores

Olho para ti
Somente para ti
Pois a mão que aperta o botão
É a mesma que te fazia carinhos

Olho para ti
A tanto que não te vejo
Percebes toda a saudade
Que brilha em minhas retinas?

Não há sorriso
Porque em saudade não se sorri
Em saudade se olha e se sente
A falta que tu me faz

Ah, não te vejo e não te toco
Não me vês e não me tocas
Mas sei que a ausência imposta
É sentença injusta e cruel

Diga a ti mesmo que não sentes falta
Acredita na tua mentira
Mas olha dentro dos meus olhos
E veja como sinto saudade!
Fátima Batista
Enviado por Fátima Batista em 16/07/2006
Reeditado em 01/12/2007
Código do texto: T195560
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Fátima Batista
Santo André - São Paulo - Brasil, 55 anos
1436 textos (74648 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/10/18 00:51)
Fátima Batista

Site do Escritor