Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Jogo de Cartas


Autoconfiante e presunçoso
atira sobre a mesa
todas as fichas disponíveis
e mesmo as “inexistentes”.
 
A expectativa é de impeachment
ainda que tacitamente.
Afinal, joga-se em primeira análise
para ganhar. Jamais para perder.
 
Imagina-se que o “adversário”
pouco possui,
quiçá um mísero par de noves
sob a palma da mão.
 
Pondera-se também
os trunfos e habilidades do opositor.
Afinal, ele não só cobre
como dobra a aposta
surgindo o impasse.
 
O xeque, mesmo que não mate,
atordoa, impacta e surpreende,
imobilizando o ousado contendor.
Acuado, faz-se o blefe
ou paga-se a aposta?
 
Opta por se arriscar, ainda
quando se transmuta
a outrora impossível
perspectiva da perda...
 
Antes expor recursos aos riscos
(que difere de aventurar-se)
da perda de “coisas” efêmeras
que deles fugir / correr,
arruinando, perpetuamente,
o bem maior da oportunidade
de conquistas e enlevo da autoestima.
Robério Matos
Enviado por Robério Matos em 02/11/2010
Código do texto: T2592951


Comentários

Sobre o autor
Robério Matos
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil, 67 anos
73 textos (3419 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 28/03/20 11:23)
Robério Matos