Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Vá em paz



Sim ...
Eu te amei
Amei como nunca
Antes havia amado
Doei-me inteira
Sem medo
Sem vergonha do pecado
Tornei-me teu anjo da guarda
Nas horas que precisavas
Tornei-me mãe amorosa
Nas horas que tu choravas
Fui “seu” melhor amigo
Na hora do futebol
Contigo, eu estava sempre
Mas você...
Logo agora
Na minha primeira hora
De precisar de um anjo
De um amigo
Ou de um pai
Aonde que você vai?
-Embora!
É a tua resposta
Já não sei o que dói mais
Ver que não fui amada
Ou perceber somente
Toda sua mesquinhez
Sim
Pois foste mesquinho
Só me roubou o carinho
Mas tudo bem
Vá em paz
Eu tenho minha alma limpa
Consciência de ter amado
E você?
Será que um dia
Terá a paz outra vez?



Silvia Fedorowicz







Mulher Camaleoa
Enviado por Mulher Camaleoa em 16/03/2007
Código do texto: T414682


Comentários

Sobre a autora
Mulher Camaleoa
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
369 textos (17503 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/09/20 09:17)
Mulher Camaleoa