Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Rusgas e Manias



Eita, homem!
não seja assim desconfiado,
quebrou a cara porquê quis.
Sempre lhe disseram...
Cuidado, você pode estar dormindo,
com a sua maior inimiga...
Só que nunca ouviste,
apaixonado que estavas...
Passavas por cima das rusgas e manias,
vestia todas as fantasias!
Hoje a casa caiu,
deixe baixar a poeira.
Enterre o que restou,
faça de conta que foi uma estória
que alguém lhe contou...
Parta para outra,
Inicie uma nova vida, antes que o tempo,
impiedoso o deixe agastado,
acabrunhado de vez...

 Nadir D'Onofrio
16/09/2005
Santos SP
 

Nadir DOnofrio
Enviado por Nadir DOnofrio em 25/09/2005
Reeditado em 23/08/2018
Código do texto: T53798
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Nadir DOnofrio
Serra Negra - São Paulo - Brasil
947 textos (98784 leituras)
147 áudios (13467 audições)
18 e-livros (4409 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/10/18 03:30)
Nadir DOnofrio

Site do Escritor