Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ORDEM DE NÃO RESSUSCITAR

Há coisas que simplesmente não têm jeito. Temos que aprender a lidar ou podemos morrer angustiados. Cada pessoa tem um universo interior, onde são guardados os mais profundos sentimentos e dores. A carcaça exterior serve para dizer às pessoas através de sorrisos falsos que estamos bem e que somos felizes, ah, e como é bom ser feliz...
 A felicidade é real quando temos certeza de que somos muito importantes para alguém. Quando ouvimos alguém dizer que sente nossa falta, que estava preocupado, e que não aguentava mais sem nos ver. É aí que vemos que o mundo está repleto de fantasia miraculosa sem importância. O amor faz-nos enxergar o que muitos tornaram-se para adquirir poder, fama e dinheiro. Muitos sacrificam seu tempo, suas amizades e sua vida para tentar destruir os outros. Quando amamos vemos que nem tudo que tem preço realmente tem valor, e que na verdade, é preferível as coisas mais simples se vierem acompanhadas de um lindo sorriso, uma conversa boba e um coração palpitante. Aquela história de destino é uma furada que ainda engana a muitos. O acaso e as coincidências são tão reais quanto a chuva.
É preocupante quando sintomas emocionais se tornam físicos. Muito vem à tona, e os porquês nunca são respondidos. O ser humano é tão extraordinário que é capaz de ao mesmo tempo, despertar amor e ódio, em pessoas distintas, é claro. E a verdade é que o tempo não para por causa de nossos problemas. Uns continuam lutando contra suas ameaças, suas inseguranças e seus medos, enquanto outros tentam por contra vontade levantar a cabeça e seguir em frente. Tanta coisa acontece longe da luz do dia... e aqueles que se dizem julgadores, donos da razão e corretos por natureza nem imaginam a batalha que é enfrentada todos os dias em seu próprio favor. Acredito que sempre há um pouco de egoísmo, mas sinceramente, não há altruísmo maior do que escolher sermos dilacerados para manter outros inteiros. Óbvio que essa parte é invisível. Ninguém nota o esforço que fazemos para nos retratar, mas é compreensível, é mais fácil julgar e condenar.
Infelizmente, existe a droga da razão e dos princípios que reprimem e esmagam o amor. Nem todos optam pelo o caminho ético, mas é necessário minimizar os danos lá fora, deixar o caos apenas internamente. Não sabemos o que esperar do tempo. Temos medo de desejar que ele apague algo tão maravilhoso, concomitantemente temos medo de morrer embriagados com um sentimento devorador e destrutivo. Então, seria inteligente não esperar nada, apenas viver, enquanto puder.
 “Você de lá e eu de cá, olhando o mesmo céu, que distância cruel. Eu assisto o tempo passar, tento me dispersar olhando o celular. Metade do meu coração só quer te ver de novo e a outra só pensa em você... E nessas horas meu sorriso é passageiro, é aí que eu percebo a falta que me faz você. E nessas horas eu nem ligo pra dinheiro, pra eu me sentir inteiro só preciso de você.”
Karnal Leandro
Enviado por Karnal Leandro em 05/01/2018
Código do texto: T6217864
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre a autora
Karnal Leandro
Pombal - Paraíba - Brasil
11 textos (682 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/09/20 01:12)
Karnal Leandro