Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Vertigens - Inocentes

Por mais que os enganos tenham
Batido forte na porta das esperanças,
O coração se enche de vida nos rios
Das nascentes,
Correndo margens inocentes
Cobrindo com seu manto quente
Os sonhos das ribeirinhas.

Por mais que eu viva o amor
A dor segue no templo das colinas
Vertigens matas de selva
Nos sapatos de gesso do museu
Paredes amarelados do descaso
Quadros pintados no autor
Do romance de pitadoras
Das donzelas outrora sonhadoras.

Quantas mais teremos que viver
O amor e o sofrer na estrada
Do bem querer das pétalas
Espalhadas pelo chão
Dos espinhos arrancados de
Sua alma,
Chora a dor de sua própria dor...
Lilian Meireles
Enviado por Lilian Meireles em 11/01/2018
Código do texto: T6222990
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
Lilian Meireles
São Paulo - São Paulo - Brasil, 54 anos
1865 textos (38367 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 28/09/20 16:32)
Lilian Meireles