Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
listra de pijama


em outro tempo, docemente,
disseste que vim preencher uma grande lacuna
que havia em tua vida

fiquei a imaginar que tamanho ela teria,
e a desejá-la imensa,
a ponto de querer preencher todo o teu ser

e assim querendo, de ti fiz minha causa
e herdeiro compulsório de seus efeitos

então, renasci, vivi, cantei, ri, gozei, chorei, enlouqueci,
joguei, ganhei, perdi, lembrei, aprendi, achei, semeei, colhi...

enfim, me transformei, e sobretudo, amei...
e versos escrevi pra dizer deste amor

sonhei, esperanças plantei, desejei e fiz planos;
levantei minhas âncoras, girei cento e oitenta graus
e naveguei pra sobrepor o meu sul no teu norte

eis que de repente,
frias e dietéticas palavras ecoam de uma concha endurecida
e encontram aflita ressonância num resto sofrido de coração

suficientemente implícito
pra eu começar a achar que havia sonhado demais
e que aquela tal lacuna nunca passou de uma...

listra de pijama
  
RAUL POUGH
Enviado por RAUL POUGH em 25/10/2005
Reeditado em 24/06/2011
Código do texto: T63309


Comentários

Sobre o autor
RAUL POUGH
Curitiba - Paraná - Brasil
184 textos (13178 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 27/10/20 23:51)
RAUL POUGH