Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Daqui a mil anos

Daqui a mil anos
Plantei uma árvore de ancestrais milenares.
Um jequitibá rosa
Vejo-a crescer nos meus sonhos
Imagino-a daqui a mil anos
Uma jovem árvore
Altiva, olhando as estrelas.
Terá vivido apenas um terço de sua vida
Haverá pássaros ainda?
Borboletas? Vaga-lumes?
Sonho que sim.
As naves cruzarão o céu,
do que foi minha cidade
Uma trará talvez algum poeta
Que olhará a lua
através dos altos ramos?
e se encantará.
De alguma forma eu sei
Eu sei,
que estarei lá,
Em pleno corpo, em luz,
Como poeira de estrelas,
ou invisível na poesia,
do viajante do espaço.
Grácio Reis
Enviado por Grácio Reis em 14/09/2007
Reeditado em 25/10/2008
Código do texto: T652818

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Grácio Reis
São Paulo - São Paulo - Brasil, 64 anos
1333 textos (52058 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/12/17 10:16)
Grácio Reis