Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Minha amada dorme

É noite, e perto de mim dorme a minha amada.
Eu, à distância de mil pensamentos tento ouvir se ressonar.
Será que ela sonha?
Será que quando acordar se lembrará que vivo estou?
A minha amada tem os olhos pretos da cor da negra noite que assola
Suas mãos são finas, macias como lã de algodão.
Ela tem um corpo esculpido no mármore da perfeição.
Minha amada, quando sorrir ilumina a noite da minha solidão.
Mas, a minha amada dorme, minha amada não sabe que morro aqui,
Acordado, tentando dormir também para lhe encontrar.
Oh se ela pudesse me ouvir, oh se ela pudesse vir aqui.
Minha amada não respira o mesmo ar daqui
Onde estou não posso chegar até ela, a não ser em pensamento.
Nossa cama parece um imenso oceano, e eu só tenho as mãos para lhe abraçar.
Tudo que eu queria nessa vida era que ela pudesse ouvir meus pensamentos
Para que ela soubesse o quanto a desejo,
Oh, quem dera que ela um dia desses me acordasse com um beijo.
Mas minha amada dorme, enquanto eu escrevo e a vejo...


Evan do Carmo
Enviado por Evan do Carmo em 01/10/2007
Reeditado em 20/11/2008
Código do texto: T676680
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Evan do Carmo
Taguatinga - Distrito Federal - Brasil, 53 anos
1052 textos (45897 leituras)
13 áudios (1635 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/12/17 13:24)
Evan do Carmo