Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Novamente

Novamente

Não pare de sussurrar essas loucuras no meu ouvido, continue a enloquecer minha libido.
Morda, arranhe, aperte, meu corpo é seu anexo e sem você tudo é desconexo.
Prove-me, toque-me, explore-me sem limites ou medos, permita-me desnudar todos seus segredos.
Não deixe de demarcar com o paladar nenhuma parte, exarcebemos a criatividade nessa deliciosa arte.
Inundemos vales, exploremos cavernas, misturemos nossas pernas, tornemos todas as noites eternas.
Façamos cada momento único e inesquecível, mais que perfeito, muito além do impossível.
Ultrapassemos todos os limites até o amanhecer, nele permitamos que o sol nos revigore e seque as gotas de prazer.
Abrace-me, beije-me devagar e lentamente comecemos tudo novamente.
Libidinosamente, escandalosamente, prazeirosamente, enlouquecidamente, irracionalmente, lascivamente, ilimitadamente, indefinidamente e eternamente.

Leonardo Andrade
Leonardo Andrade
Enviado por Leonardo Andrade em 04/10/2007
Código do texto: T680324


Comentários

Sobre o autor
Leonardo Andrade
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
1335 textos (55584 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/03/21 10:58)
Leonardo Andrade