Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Legado

Nada me segura
Um trator que sai levando tudo na marra
Na força ou na idéia
Sempre com pressa
Em busca do final da Vida
Da passagem só de ida
Para o novo, sem o peso das asas.

Meio mórbido
Totalmente ridículo
Pode pensar o que quiser
Meu sonho
Na conclusão de tudo
Vejo que sou meu pior inimigo
Minhas vontades e escolhas
Provam isso
Mas o mais louco disso tudo
Que me sinto ainda mais forte
Quando estou sozinho.

Sempre tratei o próximo como prioridade
Sendo justo, íntegro, leal, verdadeiro
Nunca fui exemplo
Nunca dei mal concelhos
Nunca cobrei atenção
Já fiquei de joelhos
Sempre conquistei afetos
Balança desigual,
Do seu lado tá mais pesado
Está em baixo
Leve, daqui do alto
Vejo o paraíso.

Quando tropeço sorrio e agradeço por não ter caído
Quando caio, agradeço por conseguir me levantar sozinho
E quanto menos penso
Mais rápido passa-se o tempo
Distraído ouço uma música
Sorri de alegria meu íntimo
Energia positiva
Me Amando ou odiando
Por fim o pulso pulsa
Coração batendo
Ar aos pulmões
Decola pensamentos.

Lágrimas nós olhos
A decepção me assombrou denovo
Não paro de pensar
Fico remoendo
Por fim
Brigo com quem mais Amo
A culpa é de quem?
Não se esqueça
Não existe Santos
E na primeira discordância
A verdade vêm a tona
Destruindo Tudo
Deixando o que já não tava bom
Ainda mais sem sentido.

Mas propostas me levam pro outro lado
Trabalho algo que sou abençoado
Palavra dada
Missão em prática
Corre maluco
Soa a camisa executa o combinado
Sempre antes do prazo
Com maestria, arte na conquista
Realizando sonhos.

Arruma mala aí
De partida em busca de coisas novas
Do cascalho que compra o material
O que tanto procura
A busca incessante
Por akilo que tanto falta
E que na sobrevivência se acha
E na arte se transforma em poesia
Vivendo de palavras
A única coisa que tenho nessa Vida.
Meu legado pra quem fica.
Alessandro M P O F
Enviado por Alessandro M P O F em 12/11/2020
Código do texto: T7109645
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Alessandro M P O F
São Paulo - São Paulo - Brasil, 39 anos
341 textos (2305 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/04/21 16:56)
Alessandro M P O F