Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto









“AMAR É COISA DE DEUS”.

              (Prosa poética).

 

 

 

Ah! Essas lembranças que vem do nada,

Essas imagens difusas que atormentam

O nosso ser... É o meu inconsciente que

Chama você... De vagar se movimentam,

São amores do passado que me dominam

E muitas vezes me ensinam como dar

Corda ao prazer... Deus como eu amo você!

Que é amor do presente; o teu corpo doce

E quente faz de mim um inocente... Um

Aprendiz do sexo; e aprendendo a amar,

Só a ti com qualidade, embora morra de

Saudade de amores de outrora, mas esta

Versão de agora, ao beijar-te minha senhora

O faço com devoção; acaricio as tuas mãos,

E abraço-te com vontade, nunca é cedo...

Ou tarde, para render-se ao amor; pois

Criança também ama, criança se apaixona,

Só não pode se casar... Um velho apaixonado

Vira criança, pois o amor é poderoso!

Nunca é tarde para amar... Pois o amor

É eterno, pro antigo ou pro moderno, amar

É coisa de Deus!







 

Antonio Hugo
Enviado por Antonio Hugo em 06/11/2007
Código do texto: T725540
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autor: Antonio Hugo/ site: www.antoniohugo.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Antonio Hugo
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 60 anos
3913 textos (262274 leituras)
185 áudios (36423 audições)
9 e-livros (7461 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 02:52)
Antonio Hugo

Site do Escritor