Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Príncipe da Paz

Nasceu num alpendre, junto à manjedoura dos animais. Foi contemplado por reis.
Perseguido quando criança teve que fugir com seus pais para o Egito. Alí ficou protegido.
Na adolescência aprendeu o ofício de carpinteiro. Ficou órfão de pai.
Homem formado andou no meio da multidão sem ficar anônimo pregando o amor ao criador e ao próximo. Foi amado por seus discípulos.
Saciou a fome de multidões com alimentos e ensinamentos. Foi seguido por multidões.
Amou as crianças e valorizou as mulheres. Deram-lhe um reino.
Foi misericordioso e perdoou os pecadores. Nomearam-no rei.
Curou doentes, restaurou vidas e prometeu vida eterna a quem nele cresse. Reconheceram-no como o Salvador.
Entrou triunfante na Cidade da Paz e foi aclamado pelo povo. Foi traído por um discípulo e julgado como criminoso.
Era inocente da acusação de blasfema.
Condenaram-lhe mesmo sendo inocente e chicotearam-no como início do cumprimento da pena.
Foi barganhado por um ladrão e puseram-lhe uma coroa de espinhos.
Deram-lhe uma cruz para carregar e depois pregaram nela para cumprir a pena.
Instrumento de morte, a cruz foi transformada em sinônimo de vida eterna.
Quem ainda não conhece esse homem e quer conhecê-lo procure pelo Príncipe da Paz.
Nei Fernando
Enviado por Nei Fernando em 13/11/2007
Reeditado em 18/05/2008
Código do texto: T735986

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Nei Fernando). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Nei Fernando
Andradina - São Paulo - Brasil, 10 anos
19 textos (363 leituras)
5 e-livros (2553 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/12/17 11:31)
Nei Fernando