Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FOLHAS SECAS

FOLHAS SECAS
Folhas secas ao  chão
Caídas das árvores
Virtude de uma decadência
No final de vida
Nascem, embelezam e murcham
De uma maneira natural
Mais quem as amou
Inventando o artificial num dia
Podendo até ser parecido
Mas o seu lugar não podem mais ocupar
Porque murcharam e caíram
Porque nada foge da realidade
E no mundo com as invenções
Ultrapassando seu limite
Clonam,  e produzem congênitos
Querendo ressarcir a sua ausência
Mas, nunca terá de volta
A sua verdadeira identidade
Por mais que tentem
Porque a natureza é vulnerável
Mas não admite a irrealidade.









borgesmilagres
Enviado por borgesmilagres em 15/11/2007
Código do texto: T738503
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
borgesmilagres
Salvador - Bahia - Brasil, 56 anos
318 textos (11333 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/17 17:37)
borgesmilagres