Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Aprisionamento e redenção - Beleza Americana

 American Beauty era um filme rito de passagem sobre aprisionamento e fuga do aprisionamento. A monotonia da existência de Lester é estabelecida através de seu local de trabalho cinza e indefinível, e suas roupas sem personalidade. Nessas cenas, ele é frequentemente filmado como se estivesse preso, "reiterando rituais que dificilmente o agradam". Ele se masturba nos confins de seu chuveiro; o chuveiro evoca uma cela de prisão e o plano é o primeiro de muitos onde Lester está confinado atrás de barras ou dentro de quadros, como quando ele é refletido atrás de colunas de números no monitor de seu computador, "confinado quase riscado". O autor e acadêmico Jody W. Pennington discute que a jornada de Lester é o centro da história. Seu redespertar sexual ao conhecer Angela é o primeiro de vários momentos de clímax, já que ele começa a "jogar fora as responsabilidades da vida confortável que ele veio a desprezar". Depois de Lester fumar maconha com Ricky, seu espírito é libertado e ele começa a se rebelar contra Carolyn. Alterado pela "atrativa e profunda confiança" de Ricky, Lester fica convencido que Angela é alcançável e vê que deve questionar sua "existência suburbana materialista, banal e tediosa"; ele arranja um emprego em uma lanchonete, que permite seu regresso a um ponto onde ele pode "ver toda sua vida à frente".

Quando Carolyn pega Lester se masturbando, sua réplica raivosa sobre a falta de intimidade dos dois é a primeira vez que ele diz em voz alta o que pensa sobre ela. Ao confrontar a situação e o "investimento superficial em outros" de Carolyn, Lester tenta "reconquistar uma voz em uma casa que [respeita apenas] a voz de uma mãe e de uma filha". Seu clímax final vem quando ele e Angela quase fazem sexo; depois dela confessar sua virginidade, Lester não mais a considera um objeto sexual, porém uma filha. Ele a abraça e "a cobre". Mendes chama de "o fim mais satisfatório para a jornada de Lester do que qualquer outro". Com essas cenas finais, Mendes queria mostrar Lester na conclusão de sua "aventura mítica". Ele pega um cerveja da geladeira e a câmera vai em sua direção, então pára em um corredor que ele anda "para encontrar seu destino". Tendo voltado a agir como alguém de sua idade, Lester alcança o encerramento. Enquanto sorri para uma fotografia de família, a câmera lentamente vai para a parede da cozinha, sobre a qual sangue é derramado quando um tiro é ouvido; o suave movimento de câmera reflete a paz em sua morte. Seu corpo é encontrado por Ricky e Jane. Mendes disse que Ricky olhando para os olhos mortos de Lester é "a culminação do tema" do filme: a beleza pode ser encontrada onde menos se espera.
Vinicius Moratta
Enviado por Vinicius Moratta em 07/09/2019
Código do texto: T6739839
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Vinicius Moratta
Florianópolis - Santa Catarina - Brasil
1018 textos (37553 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/09/19 14:38)