Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Casos de família

Tômbola era o jogo da família de SP . A gente ia visita-los e acabávamos todos numa grande mesa ; o jogo começava após o jantar e varava a noite. Quem cantava os números inventava nomes para eles.  Muitas vezes eu boiava. Sabia alguns como 'dois patinhos na lagoa'.
 Menina que era, eu tinha é sono. Minha mãe , para me animar , colocava uma cartela para mim ao seu lado e ela mesma marcava os números . E dizia baixinho: já já eles arrumam a sua cama. (era discreta).
Que italianada alegre! Como não seria?
Hoje, a maioria já partiu. Queria um fim de domingo assim...com eles todos. Eram muitos.
Naquele tempo a briga política era entre Jãnio e Ademar de Barros. Mas mais importante de tudo era a mesa, a tômbola, a macarronada, o papo e as risadas.
'Sum Paulo' era outro. A vida segue sem dó. Devia ser proibido destruir famílias. Fim de tarde , domingão fazendo nostalgia. E para piorar tem Moro no Fantástico. Vai encarar?

e.t . Tômbola = bingo. 🙂
luferretti
Enviado por luferretti em 27/04/2020
Código do texto: T6929842
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre a autora
luferretti
Limeira - São Paulo - Brasil
385 textos (14255 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/05/21 16:45)
luferretti