Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

APRENDENDO A DIRIGIR

Beto Arte, (Peq. Coyote) e eu, o (Grd. Búfalo), fomos visitar a Vila de Sintra. Uma região muito bonita, que faz parte do Distrito de Lisboa. Lá, exploramos o famoso Castelo dos Mouros, que teve sua construção iniciada pelos gregos, no ano de 330 "AC" (Antes de Cristo). Depois, fomos visitar o Palácio Nacional de Sintra. Sua construção foi iniciada em 1383 "DC" (Depois de Cristo). São obras monumentais e magníficas. (Coisas de cinema). O Palácio da Vila, como é conhecido popularmente, foi utilizado pela família Real Portuguesa, até o final da monarquia, ocorrido em 1910. Ele é tão famoso, que em 2008, teve quase 500 mil visitantes. Depois de dar umas voltas pela Vila, resolvemos voltar pra casa. O Peq. Coyote é quem dirigia a "carrinha". Um Peugeot 405, ano 96, que compramos por € 450 euros. Vínhamos pela auto estrada, quando nos deparamos com o Cascais Shopping. Estava à nossa esquerda. Erramos a pista de entrada. Tivemos de dar uma volta fenomenal. Mas por curiosidade, fomos assim mesmo. Chegamos no estacionamento. O Coyote entrou com o carro meio atravessado. Teve de dar a ré e reposicionar a "carrinha". Fez isso por duas vezes. - Nisso, perguntou a um segurança fardado, (magro e cumprido) ... "Meu amigo, aqui é estacionamento grátis ???!!!" - O cara, que estava interpelando uma senhora em outro veículo, respondeu que sim. E disse mais ... "eu sou amigo das pessoas, mas pode me chamar de seu guarda !!!" - Além do uniforme, ele usava uma boina e tinha o nariz "bem maior" que o meu. - Dentro do carro, dei uma risada e falei pro Beto. Esse cara é muito engraçado. Só pq vestiu esse uniforme de segurança do shopping, quer ser chamado de "seu guarda". É uma verdadeira marmota !!! Kkkkkkkkkkk - O Coyote riu também. - Quando já nos dirigíamos ao shopping, o cara engraçado, pediu pro Beto mostrar a habilitação. No que foi atendido de pronto. Aí ele pediu o passaporte. O Coyote lhe deu a identidade portuguesa. O tal "guarda", levou um susto !!! Perguntou pro Beto. Há quanto tempo estás em Portugal ??? Ele respondeu ... "Tem uns dois meses !!!" - O cara cumprido foi irônico e disse ... "Estás aqui há dois meses e já és purtuguês ???!!! - Nisso, saíram dois caras, de dentro do carro do cumprirão e ficaram postados ao seu lado. O Beto respondeu ... "Eu sou brasileiro, mas meu pai nasceu em Portugal. Por isso tenho nacionalidade portuguesa". - Foi aí que o guarda disse ... "Se és purtuguês, tens de ter habilitação purtuguesa !!! Ou então, tens de apresentar o passaporte brasileiro. Caso contrário, isso é uma infração. - Diante desse impasse, o Beto viu que o cara ia multar e apreender o carro. - Foi quando um dos colegas do cumpridão, viu um adesivo alusivo ao "surf de Itacaré", pregado no nosso carro. Aí ele perguntou ... "Você já surfou aqui em Portugal ???" O Coyote disse que sim. E a conversa tomou outro rumo. Todos passaram a falar sobre "surf" e sobre o Brasil. - O cumprido, devolveu os documentos pro Beto. - Logo em seguida, perguntou ... "Há quanto tempo tu diriges ???!!! O Beto respondeu ... "Há uns dezoito anos !!!" - Então o guarda deu uma risadinha e falou ... "É bom tu ires pra um descampado e dares uma treinadinha na direção. Eu notei que tivestes dificuldades pra estacionar o carro !!!" (Sacaneou com o Beto) - O Coyote deu um sorriso amarelo e explicou o seguinte ... "É que eu não estou acostumado com carro grande !!!..." Hehehehe !!! O guarda deu um tapinha nas costas do Beto e nos despedimos do trio "parada dura". Ufffaaaa !!! Essa foi por pouco. Quase ficamos encrencados, por causa dos documentos. - Depois é que ficamos sabendo, que o uniforme do cumpridão e de seus companheiros, não era de seguranças do shopping. - Na verdade, eles eram "guardas de trânsito". Que podiam muito bem, ter nos ferrado direitinho. - Mas tudo acabou bem, Graças a Deus !!! E em segundo lugar, graças ao surf !!! Pois podíamos ter acabado no xilindró. Lá ele !!! ... Jesus não deixa e nem nunca vai deixar !!! (Como diria o
Zé Bob) kkkkkkk
Aurélio Enes Patrão
Enviado por Aurélio Enes Patrão em 15/11/2017
Código do texto: T6172914
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
Aurélio Enes Patrão
Brasília - Distrito Federal - Brasil
782 textos (61085 leituras)
15 e-livros (3935 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/05/21 19:30)
Aurélio Enes Patrão