Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A ERA DO RÁDIO - WOODY ALLEN

Num de seus melhores filmes, Woody Allen revive a nostálgica era do rádio

Diferente de qualquer documentário sobre a evolução dos meios de imprensa, "A Era do Rádio" apresenta com muito bom humor diversas situações sobre os primórdios da existência desse invento que revolucionou a história da comunicação. O próprio Woody Allen conduz a narrativa, caracterizando o filme como uma espécie de autobiografia, um regresso aos seus tempos de criança, quando se encantava com as histórias de super-heróis e os diferentes personagens com quem dividiu a infância.

Assim como a própria evolução do rádio, o ritmo do filme é também muito rápido, passando de uma cena a outra sem que, necessariamente, as seqüências apresentem ligação, exceto pelo fato de se situarem numa época em que o mundo se rendia a uma ascensão tecnológica. As radionovelas, os programas de auditório, os contos infantis, constituem elementos radiofônicos que contribuíram para que, no futuro, a programação da televisão fosse definida e incrementada.

O rádio tornou-se, num curto espaço de tempo, o maior fenômeno que um meio de comunicação poderia alcançar, maior ainda do que a Internet representa na atualidade. A transmissão da simulação de um ataque marciano aos Estados Unidos – realizada por Orson Wells – constitui uma cena que comprova sua importância para a sociedade da época. Em tempos em que a comunicação não tinha o respaldo de imagens – a exemplo do que a televisão proporciona nos dia de hoje, é absolutamente incontestável a importância que o rádio representou para a vida em sociedade.

E é impossível comentar sobre “A Era do Rádio” sem falar de música. As canções  (atenção a "South American Way", na voz de Carmen Miranda) remetem a um sentimento de nostalgia, levando cada um a fazer parte da vida dos personagens. Um casamento perfeito: o encanto do rádio com a magia do cinema, dois segmentos com muito em comum, principalmente por interagir na cultura e situar os ouvintes e telespectadores em diferentes tempos da história.

Filme obrigatório, que possibilita compreender um pouco melhor o que os pais, tios, avós contam mas que, infelizmente, muitos não tiveram a chance de vivenciar.

TEVE ALGUMA UTILIDADE PARA VOCÊ?
ENTÃO, FAÇA UM DONATIVO PARA QUE POSSAMOS POSTAR MAIS TEXTOS DE INTERESSE GERAL!
Banco do Brasil
Agência: 2051-6 / Conta Corrente: 58.819-9
José Donizetti Morbidelli
Enviado por José Donizetti Morbidelli em 08/03/2007
Reeditado em 30/12/2016
Código do texto: T405813
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
José Donizetti Morbidelli
São Paulo - São Paulo - Brasil
219 textos (685845 leituras)
24 e-livros (1548 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/08/21 16:33)
José Donizetti Morbidelli