Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

'Nascente das Águas' conta Pilar do Sul e Sorocaba


Às encostas da Serra de São Francisco, nasce Pilar do Sul, Jairo Valio e seu livro “Nascente das Águas”. Escritor, poeta e cronista, Jairo Valio, 72 anos, trata em seu livro, publicado em Novembro de 2005 pela editora Ottoni, sua história, que se mistura com a de Pilar e sua vivência em Sorocaba.

Rica em quedas d´água, Pilar do Sul desempenhou importante papel na geração de energia hidrelétrica, fornecendo eletricidade para as fábricas de fiação, tecelagem e estampagem de tecidos da Companhia Nacional de Estamparia, em Sorocaba. Este episódio é pouco conhecido por historiadores, mas Jairo Valio detalha com grandeza em sua obra.

“Nascente das Águas”, fruto de cinco anos de trabalho, trata da história de Pilar do Sul desde a sua fundação em 1891, até os dias atuais. Foram selecionadas ilustrações, reproduções de documentos raros, como a certidão de casamento de João de Camargo Barros (o curandeiro Nhô João), realizado no dia 1º de abril de 1891 em Pilar do Sul, que evidenciam ainda mais fatos históricos, políticos, econômicos e sociais.

Valio conta sobre a economia da cidade, baseada principalmente na fruticultura; suas proezas como meia de campo do time da Associação Atlética Pilarense; as famílias tradicionais, as entidades beneficentes e assistenciais, além da exuberância da natureza da região, com suas águas, mata e clima.

A família de Jairo, retratada em “Nascente das Águas”,  teve participação ativa na história de Pilar. Gabriel Valio, pai de Jairo, foi prefeito e vereador por duas legislaturas, além de ter sido delegado de polícia, maestro da banda “Lira Pilarense” e juiz de paz. A mãe, Maria da Conceição Valio, foi uma grande religiosa e comprometida com as ações sociais durante toda sua vida. Outro capítulo da obra é dedicado ao seu tio José de Paula Rosa (tio “Zuzu”), dono do Cine Pilar e que tinha como característica ser “um adulto com espírito de moleque”.

Na década de 50, aos 15 anos de idade, Jairo Valio veio morar em Sorocaba, onde construiu grande parte de sua história, experiência que relata no capítulo “Sorocaba que me acolheu”.

Casou-se pela primeira vez com Ondina Rosa Valio, falecida, e atualmente está casado com  Eva Ribeiro do Nascimento. É pai de três filhos e avô de quatro netos.

Foi gerente de vários bancos, atuou em projetos sociais, principalmente a Pastoral do Menor e a Pastoral da Criança, e como vicentino, por mais de 34 anos.

Pai de “Nascente das Águas”, colaborador de mais de 50 crônicas publicadas no Cruzeiro do Sul, escritor de “O Jornal”, de Pilar, intitulado em  junho de 2002 como Cidadão Sorocabano, Jairo foi recentemente empossado como membro da Academia Sorocabana de Letras (ASL), solenidade que ocorreu em 2 de dezembro. Ocupa hoje a cadeira número 14, cujo titular foi o escritor pernambucano Alcides Nicéas.

Mas Jairo Valio antecipa que não pretende parar por aqui. Após o sucesso de "Nascente das Águas", irá publicar um outro livro, desta vez, de crônicas e poesias.

BOX......
O Autor
Jairo Valio nasceu em Pilar do Sul, Estado de São Paulo - Brasil, aos 05 de outubro de 1934, filho de Gabriel Valio e Maria Conceição Valio. Formado em contabilidade, trabalhou por 38 anos em várias instituições financeiras, como Gerente, onde aposentou-se posteriormente. Escritor, pesquisador e poeta, é apaixonado pela Literatura e escreve crônicas nos Jornais Cruzeiro do Sul de Sorocaba e O Jornal de Pilar do Sul. Foi membro do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente[CMDCA] por duas gestões também como voluntário e é Vicentino por mais de 30 anos pela Sociedade São Vicente de Paulo em Sorocaba/SP. Recebeu o Título de Cidadão Sorocabano, outorgado pela Câmara Municipal de Sorocaba, em reconhecimento da cidade pelos trabalhos em favor dos pobres e oprimidos, principalmente pelas crianças abandonadas nas ruas das periferias. É membro da Academia Sorocabana de Letras. Tem publicado o Livro Nascente das Águas e participação no Livro Antologia dos Escritores Brasileiros 2º Edição.

Diário de Sorocaba de 28 de janeiro de 2007
Douglas Lara
Enviado por Douglas Lara em 03/03/2007
Código do texto: T400092

Comentários

Sobre o autor
Douglas Lara
Sorocaba - São Paulo - Brasil, 82 anos
517 textos (142994 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/09/20 13:56)