Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PRIMAVERA NO MEU SERTÃO




 
Nos confins do meu sertão
Quando chega a primavera,
Refloresce assim a plantação
Após  uma estiagem severa.
 
Lindo ver o branco algodão
Contrastando com a verde hera...
Refloresce assim a plantação
Após  uma estiagem severa.
 
E os lírios nos campos então,
A  bondosa mãe divina proverá.
Meu coração, extasiado com emoção,
Pergunta onde este encanto estivera...
Refloresce assim a plantação,
Após  uma estiagem severa.
Nos confins do meu sertão.
 
 
 








 
Luís Carlos Mordegane
MORDEGANE
Enviado por MORDEGANE em 18/03/2007
Código do texto: T416912

Comentários

Sobre o autor
MORDEGANE
São Bernardo do Campo - São Paulo - Brasil, 64 anos
69 textos (5723 leituras)
1 áudios (38 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/19 16:44)
MORDEGANE