Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

  Na cruz foi pregado meu pecado
  Como o emblema de vergonha, dor
  Nunca poderia eu ter alcançado
  O paraíso, se não fosse teu amor

  Como último brado: Está consumado
  Vencendo na cruz, torna-se redentor
  Na cruz foi pregado meu pecado
  Como o emblema de vergonha, dor
   
  Agora vida nova dá recado
  Nasce novo sol, da aurora alvor
  Vida velha vai ficar de lado
  Vida nova vem com mais dulçor
  Na cruz foi pregado meu pecado
 
Josaba
Enviado por Josaba em 07/12/2017
Código do texto: T6192635
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, desde que seja dado crédito ao autor original (Josaba) e as obras derivadas sejam compartilhadas pela mesma licença. Você não pode fazer uso comercial desta obra.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Josaba
Aracaju - Sergipe - Brasil, 64 anos
389 textos (4816 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/12/17 10:49)
Josaba