Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sem medo

Sem medo de vivê-lo com emoção,
disponho deste amor como se fosse
o único alimento, um raro doce,
essencial à mente, ao coração.

Sem medo das delícias deste amor,
vivo as ternuras, as carícias mil,
sob um lençol, um cobertor macio,
com quem sabe me amar com imenso ardor.

Sem medo de perder o amor que tenho,
eu me disponho a dá-lo, como o dou,
a quem sabe gozá-lo junto a mim.

Sem medo de exauri-lo, mais me empenho
em me entregar, inteiro, como eu sou,
e me utilizarei do amor sem fim.
Paulo Camelo
Enviado por Paulo Camelo em 04/04/2006
Código do texto: T133855
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Paulo Camelo
Recife - Pernambuco - Brasil, 73 anos
939 textos (293043 leituras)
36 áudios (11312 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/04/21 23:06)
Paulo Camelo

Site do Escritor