Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DESENCONTROS

 
Por força da natureza
 Vivemos desencontrados,
 Quiseste ter mais esperteza
 Saíram-te os cálculos furados.
 
Consegui escapar a tempo
 Não me deixei arrastar,
 Apesar do sofrimento
 Não me deixar raciocinar.
 
Graças a Deus que consegui
 Ter forças para te deixar,
 Sei que gostava muito de ti
 
Mas só me estavas a afundar,
 Assim dos teus braços fugi
 E nunca mais eu vou voltar.

 
Maria Custódia Pereira
Biazocas
Enviado por Biazocas em 21/08/2006
Reeditado em 23/10/2011
Código do texto: T222171
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Biazocas
Portugal, 66 anos
427 textos (15953 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/12/17 00:37)
Biazocas