Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Segunda estação - Levando a cruz

Por dizer-se homem-Deus, o Nazareno
a morrer numa cruz foi condenado
e o pesado madeiro foi levado
em seu ombro. Seu rosto era sereno

apesar do trajeto ladeiroso.
Uma cruz sobre o ombro, em lento passo,
o suor denunciando o seu cansaço
e o olhar sempre calmo, majestoso.

Era o filho de Deus levando a cruz
que seria da morte o instrumento.
Era o Cristo Jesus, o Nazareno.

Em um trôpego passo ele a conduz.
Ao se ver vacilar por um momento,
o murmúrio no ar não foi pequeno.
Paulo Camelo
Enviado por Paulo Camelo em 18/06/2005
Reeditado em 24/08/2005
Código do texto: T25773
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Paulo Camelo
Recife - Pernambuco - Brasil, 72 anos
936 textos (290702 leituras)
36 áudios (11178 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/08/20 01:30)
Paulo Camelo

Site do Escritor