Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A singeleza deste amor

Que sirva de pilar para este amor
que arde em meu peito, e sirva muito mais:
que esta canção transforme em imensa paz
toda a amargura, todo desamor

é a esperança que eu cultivo, é tudo
que desejo, e por esta razão
elevo a voz ao alto, na canção,
aumento o tom, a voz atinge o agudo

além do mais agudo, além-soprano,
e baixa ao grave até quase calar,
emite as notas do mais belo hino.

E mostro num sussurro, num piano,
a singeleza deste amor sem par,
que é forte, bravo, mas é pequenino.
Paulo Camelo
Enviado por Paulo Camelo em 30/06/2005
Código do texto: T29562
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Paulo Camelo
Recife - Pernambuco - Brasil, 72 anos
936 textos (290660 leituras)
36 áudios (11177 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/08/20 05:12)
Paulo Camelo

Site do Escritor