Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Como num sonho de fadas

Metamorfoseou-se, sem querer,
aquele sentimento que eu nutria.
Abriu-se o meu casulo, fez-se o dia
em minha noite escura, em meu viver.

E o amor apareceu, como num sonho
em que se crê em fadas e duende,
encantador, etéreo, ele entrou bem
de mansinho, e desfez meu ar tristonho.
 
A alegria estampou-se, agora eu sou
mais feliz, por ter muito amor pra dar,
por viver este amor, esta paixão.

Este amor fez milagre, ele mudou
o meu ser, e a alegria fez brotar
num reles, rude, triste ser chorão.
Paulo Camelo
Enviado por Paulo Camelo em 20/07/2005
Código do texto: T36157
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Paulo Camelo
Recife - Pernambuco - Brasil, 72 anos
936 textos (290351 leituras)
36 áudios (11172 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/07/20 16:19)
Paulo Camelo

Site do Escritor