Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Impiedade


Vê este pobre diabo esfarrapado,
promíscuo, junto ao lixo da calçada.
Parece um inseto, um quase nada,
menor que o ócio que dorme ao seu lado.

Em rara lucidez diz ser amado
por sua criatura mais perfeita;
A mentira torpe com que se deita:
Carícias inquietantes do passado.

E diz que foi feliz n'algum momento,
bem antes de entregar-se ao juramento
do amor eterno e da fidelidade.

Diz que amou.. amou... e ainda ama
a companheira que aplaude o drama
de vê-lo a medigar por caridade.

Herculano Alencar
Enviado por Herculano Alencar em 05/09/2005
Código do texto: T47872
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Herculano Alencar
São Paulo - São Paulo - Brasil, 66 anos
1707 textos (80495 leituras)
353 áudios (3333 audições)
14 e-livros (5478 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/20 00:50)
Herculano Alencar

Site do Escritor